Clube Gyllenmovies é um clube criado com o objetivo de assistir e debater filmes protagonizados e produzidos pelo indicado ao Oscar, Jake Gyllenhaal. Reunimos neste post pequenas reviews feitas por alguns dos membros do Clube sobre os filmes da terceira e quarta semana, Donnie Darko e Stronger, respectivamente. Confira:

TERCEIRA SEMANA

Donnie Darko
(2001)
⭐️⭐️⭐️⭐️⭐️
Nota: 5,0
Review por @matheusliveiras

Donnie Darko é um filme em que a experiência vai além do comum, a primeira vez em que você assiste o filme parece confuso e complicado, mas n deixa de ser bom, interessante e bem feito. Logo após o final é praticamente impossível não procurar algumas teoria ou algo sobre o filme.

A cada assistida o filme fica mais incrível e mais fácil de entender. É bem produzido, com um elenco bom e nada enjoativo. Cada detalhe deixa a História mais impressionante e os espaços para quem assiste criar suas próprias teorias são bem colocados. O filme é um conjunto complicado porém Harmônico e interessante.

Donnie Darko
(2001)
⭐️⭐️⭐️⭐️⭐️
Nota: 5,0
Review por @hugocardosotv

A esperteza do roteiro e história envolvente é o que faz de Donnie Darko ser cultuado e tão querido pelos amantes de cinema. Um filme alternativo que não causou grandes alardes no ano em que foi lançado mas que continua a produzir ecos com o passar dos anos.

A história do garoto mega introspectivo Donald “Donnie” Darko (Jake Gyllenhaal) que é perseguido por um coelho assustador que revela trágicas premonições é só a ponta do iceberg das gigantescas questões que o diretor Richard Kelly aborda no decorrer do longa. Temas esses que vão de filosofia a ciência, problemas adolescentes a viagens no tempo.

Um conselho: assista sem ler muito sobre a história, compre a ideia e mergulhe de cabeça naquele universo. Tire suas próprias conclusões depois de ver e pesquise debates e analises na internet ou com alguns conhecidos que também já tenham assistido. A grande graça está nos debates, no que cada um conseguiu captar e nas teorias iguais ou espantosamente diferentes da sua.

Donnie Darko
(2001)
⭐️⭐️⭐️⭐️⭐️
Nota: 5,0
Review por @voidrdgs

Foi a primeira vez que assisti esse filme, então bem, eu to bem confuso mesmo tendo lido algumas explicações na internet pós filme.

Minha primeira impressão sobre o filme se resume em duas palavras: complexo e conturbado. Igual o protagonista, né?
Mesmo não entendendo nada, tentando juntar pontas ao longo do filme e passando boa parte dele em um dilema interno sobre ser realmente uma viagem no tempo, ou fruto da esquizofrenia do Donnie eu achei um filme ótimo.

E não era que no fim era mesmo uma viagem no tempo e ele o salvador do mundo? Eu adorei. Um baita plot twist e um filme bem conceitual.

Jake Gyllenhaal estava maravilhoso, como sempre, e disse agorinha pouco pra uma amiga o quão distinguíveis são seus personagens. Donnie é um dos melhores sem dúvida.

PS: Adorei ver vários rostos conhecidos como Drew Barrymore e Ashley Tisdale.

Donnie Darko
(2001)
⭐️⭐️⭐️⭐️⭐️
Nota: 5,0
Review por @gyllevans

É recomendado assistir esse filme mais de uma vez, porque ele é muito complexo a ponto de fazer a gente criar milhares de teorias e citar vários pontos importantes. Além de ser muito interessante de discutir com os amigos, tendo vista que esse filme divide muitas opiniões. Ao assistir, faz você pensar o mundo em várias realidades alternativas, e como suas ações influenciam no funcionamento da vida.

Resumindo? Donnie Darko é incrível, além de ter uma ótima direção (Richard Kelly), você consegue perceber o cuidado que o diretor teve, até nos figurantes do filme foram bem selecionados, com ótimas atuações (Jake Gyllenhaal lenda), uma filmagem e trilha sonora que coloca a gente totalmente inseridos nos anos 80. Com certeza é um dos melhores filmes que eu assisti.

QUARTA SEMANA

Stronger
(2017)
⭐️⭐️⭐️⭐️
Nota: 4,0
Review por @matheusliveiras

Stronger é um filme emocionante. A produção é boa, a fotografia decepciona em alguns momentos, do mesmo jeito que impressiona demais em outros. A História é baseada em fatos reais, o que torna tudo mais interessante, o filme mostra várias faces do processo de recuperação de Jeff Bauman após sofrer um atentado terrorista, de como o próprio Jeff e seus próximos lidaram com isso até como a América o tratou como herói. Critica como as pessoas usaram a História do Jeff para se valorizar e vangloriar o próprio país enquanto a real vítima ainda lutava pra viver com qualidade.

Stronger
(2017)
⭐️⭐️⭐️⭐️⭐️
Nota: 5,0
Review por @hugocardosotv

Baseado em fatos reais, Stronger conta a história de Jeff Bauman vivido de corpo e alma por Jake Gyllenhaal que teve suas pernas amputadas, resultado do atentado na maratona de Boston em 2013. Jake faz o espectador acreditar e sentir toda a dor e tristeza de Jeff, as tarefas simples do cotidiano acabam se tornando um grande trabalho, como usar o banheiro e tomar banho, por exemplo. Mas o filme não é de todo triste, pelo contrario. A comédia atrapalhada vem da família Bauman que faz de tudo pelo bem dos seus. O romance de Jeff e Erin Hurley (Tatiana Maslany) a antiga namorada que ele tenta reconquistar indo vê-la correr na maratona, ganha um novo e desafiador capítulo.

O diretor David Gordon Green mostra o exterior e o interior do personagem que se torna símbolo de força e superação, após os jornais estamparem seu rosto sendo resgatado em meio a explosão. Na realidade, Jeff não sente nem um pouco essas sensações. O fardo por carregar tamanha responsabilidade acaba afetando sua vida que já havia ficado difícil após a tragédia. Mas os relatos de pessoas que contam suas dores a ele acaba se tornando um combustível o fazendo ficar cada vez mais forte para enfrentar a nova realidade. Ele é tão importante para essas pessoas que perderam entes queridos em grandes tragédias como elas são para ele. Quando você se depara com um problema e acha que o mundo vai acabar, pode ter certeza que alguém do seu lado pode estar passando por algo bem pior. Então, o que te faz mais forte?

Stronger
(2017)
⭐️⭐️⭐️⭐️⭐️
Nota: 5,0
Review por @voidrdgs

Que filme genuíno. STRONGER é sobre superação, inspiração, dor e humanidade. Impossível não nos emocionarmos com a história de Jeff Bauman ainda mais sabendo que se trata de uma história real.

Jake consegue mais uma vez nos passar a emoção e singularidade de um “personagem” que sofreu e passou por tanto para conseguir sobrelevar as dificuldades após a amputação. Bravo.

Tatiana também não fica atrás, sua personagem tem uma carga dramática incrível e ela consegue transparecer isso com maestria. Sua personagem remete a resiliência, sabedoria e persistência.

Grande ressalva para minha cena favorita, sem sombra de dúvidas, a que ele descobre sobre a gravidez de Erin. A atuação dos dois foi em seu máximo e foi o ápice do filme. Incrível.

Esse filme deve ser assistido por todos, para lição e indicarei sempre que possível. Mais um belo trabalho de Jake Gyllenhaal.

deixe o seu comentário!